O hiato entre o marketing e os canais de atendimento do Bradesco

Confesso que gosto do Bradesco. Tenho conta lá (aliás, muitas por causa de empregos anteriores) desde os meus 18 anos e quase nunca tenho dor de cabeça com a empresa. Elas cumprem o que prometem, entregando um serviço bancário tranquilo por um preço aceitável.

A minha única reclamação são os canais de atendimento que são sempre quilômetros de distância da qualidade do marketing.

Desde quando foi criado, eu sempre resolvi vários dos pequenos problemas “xingando muito no Twitter“. O atendimento é rápido e eficaz. Já tive problema de cartão de senha extraviado, cheque roubado, tudo resolvido com dois míseros tweets.

Gerentes em pânico entraram em contato comigo ligando pro meu telefone e em poucos minutos tudo foi resolvido, mas ainda sim, fico incomodado com o fato desse hiato no atendimento. Afinal, tudo é Bradesco, não!?

O caso de hoje foi simples:

Fui buscar meus filhos na escola, e a minha filha pediu pra tirar uma cópia de algumas páginas do livro de uma colega de sala. Eu havia pago uma conta minutos antes e quando ela me falou, eu olhei para a carteira e vi que estava sem dinheiro.

Fomos para papelaria fazer a cópia tranquilos, pois era no caminho do banco. Chegamos na agência (que não é a minha!) o meu cartão foi bloqueado. Não porque eu digitei errado. Por alguma razão que eu desconheço, a máquina de auto-atendimento disse que o meu cartão estava bloqueado para saques e imprimiu um papel com os dados de telefone e afins.

Como eu não entro em agências bancárias com os meus filhos, voltei pra casa sem fazer as cópias e liguei para o Fone Fácil Bradesco. Fora o blá-blá-blá pra ganhar tempo de atendimento que todas as empresas fazem, enfim, minutos depois um operador me atendeu.

Perguntou o motivo (mesmo eu tendo dito antes ele não sabia, claro!) e pegou os meus dados e levou alguns poucos segundos para me dizer que não tinha acesso no sistema dele para saber o motivo do bloqueio do meu cartão e nem tinha como liberá-lo. O máximo que ele podia era me passar o número de telefone da agência em que o cartão foi bloqueado para eu entrar em contato com mesma.

Sinceramente?

Nem a pau eu vou ligar para lá! Vou reclamar no Twitter e vamos ver quanto tempo isso será resolvido.

Em épocas onde cartão de crédito Nubank e similares inovam com atendimento pelo celular via chat e resolvem TUDO, o Bradesco que sempre esteve na vanguarda da tecnologia, tem que correr pra se adequar.

 

Engajando no Twitter sim, mas reparo que é bom, nada!

É engraçado como a relação das empresas com o seus consumidores segue mudando por causa da Internet. Como profissional de comunicação eu vi muitas empresas entrarem na vanguarda do relacionamento digital como a Netflix,  Nubank ou o Ponto Frio, que se relaciona abertamente com o seu público, reconhecendo suas falhas, corrigindo problemas, mas acima de tudo, ampliando o seu negócio ao usar a consultoria do consumidor, que espontaneamente diz como gostaria que os produtos e serviços dessas empresas fossem. O resultado é um alto índice de engajamento e fidelidade suprema!

Enquanto isso, outras empresas assistem de camarote essa relação e pensam: “Precisamos fazer isso também!“, e o resultado é uma comunicação bem engajada nas redes sociais, mas que efetivamente não atendem o consumidor.

Um exemplo disso é a empresa Oi. Eu tenho uma linha telefônica fixa há bastante tempo, e que de vez em quando fica com ruído ou até mesmo muda. A última vez foi há exato 1 mês. A linha começou com um chiado e com o passar dos dias ainda dava para falar, mesmo com dificuldade. Até que uma semana depois, a linha ficou completamente muda. No dia 19/02/2016 eu abri uma solicitação de reparo no próprio site da empresa que me gerou um protocolo de atendimento.

thumb-engajando-no-twitter-sim-mas-reparo-que-e-bom-nada

Até aqui normal. A linha ainda não estava muda e no dia seguinte um técnico me ligou nessa linha da rua dizendo que estava verificando na área externa o problema da linha e disse que depois passaria aqui em casa. E foi só isso! Não fez o reparo e nem veio na minha casa. E então começa o problema título desse artigo:

O pseudo-engajamento da Oi pelo Twitter.

Passados 12 dias desde que a minha linha ficou muda eu comecei a “reclamar muito no Twitter” disponibilizando a imagem do protocolo nas minhas menções e aí começou o incrível trabalho da empresa em tentar ser meu amiguinho nas redes sociais, só que deixando de lado o principal: REPARAR A MINHA LINHA!!!

Vejam as respostas da Oi para as minha menções:

Agora vejam o que a Oi queria falar comigo por DM que não podia falar publicamente.

twitter-dm-oi-fixo-DM-completa

Agora vamos refletir um pouco sobre a questão:

  • Dia 25/02/2016 – Quer dizer que o departamento de comunicação da empresa que atua no Twitter não tem um sistema integrado com a operação? E que PRIORIDADE é essa que até o dia de hoje (13/03/2016) ainda não foi corrigido o problema.
  • Dia 02/03/2016 – Pedindo para aguardar MAIS UM POUQUINHO? Que diabo de prazo é esse gente? Nós estamos falando da MAIOR concessionária de telefonia fixa do Brasil e terceira da América Latina. Aguardar mais um pouquinho? Eu preciso é de um prazo!
  • Dia 10/03/2016 – Enfim, um prazo: 48 horas, mas que claro, não foi cumprido.
  • Passados mais 4 dias, nenhuma nova DM foi enviada, apesar de eu começar uma contagem diária do tempo sem reparo pelo Twitter, e o perfil continuar com mensagens públicas genéricas dizendo que vão continuar o atendimento por DM.

Resumo com o que eu penso sobre essa questão

Quem não se organiza, não se estabelece“.

Basta olhar para um indicador de satisfação como o site Reclame aqui sobre a Oi Fixo para entender como o consumidor não acredita mais nesse tipo falso de engajamento. Só nos últimos 6 meses a Oi Fixo/Móvel, TV teve 30.709 reclamações, onde apenas 22.1% foi atendida, só que sem nenhuma participação da empresa junto à ferramenta. Simplesmente corrigia e pronto. Sem dar a menor satisfação para o consumidor através desse site.

Enfim, o mundo muda radicalmente a cada dia, e infelizmente esse tipo de empresa ainda vai continuar a desrespeitar o consumidor, mas ainda sim, sei que esse cenário logo logo vai mudar, né Nubank?


UPDATE #01

Enfim, depois de 23 dias de pedido de reparo, a minha linha voltou ao normal. Precisou todo esse barulho para que a empresa cumprisse aquilo que já deveria ter feito há muitos dias atrás. Mesmo publicando essa reclamação, o comportamento do perfil @DigaOi continuou o mesmo: engajamento pseudo-amigo do cliente e pouco envolvimento no suporte efetivo ao consumidor. A prova disso foi a minha menção abaixo que não surtiu efeito nenhum.

Agora que a linha está funcionando, começa outra batalha: a de conseguir ressarcimento do valor pago pela franquia do mês de fevereiro, que foi cobrada, mesmo a linha tendo ficado muda 23 dias seguidos. Vamos aguardar as cenas dos próximos capítulos.

A estabilidade em formato de Montanha-Russa

Que o serviço de acesso à Internet sofre com todo tipo de imprevisto eu entendo. Afinal a estrutura é muito exposta. Árvores que caiem, caminhões com altura acima do limite trafegando e arrancando os fios de postes, isso sem falar dos famosos “gatos” que roubam sinal por aí.

Tudo isso eu entendo!

O que eu não entendo é a falta de clareza nas suas ações e o jeito de tratar cliente como idiota! E quando eu falo isso, estou me referindo ao ‘script padrão’ de resposta da empresa NET para a maioria das reclamações sobre instabilidade.

Estamos em manutenção

Você liga para a central de atendimento, a resposta automática é a padrão. Você reclama nas redes sociais, a resposta automática é a padrão.

Estamos em manutenção

Ok, eu já reclamei da NET inúmeras vezes por esse canal e todas as vezes a empresa me retornou e ressarciu os valores referentes a falta dos serviços. Repito TODAS AS VEZES!

A questão é que ter o valor de volta é pouco para o desgaste em administrar um problema. Como todos nós sabemos, a empresa garante acesso de 99% do tempo do contrato. Como a prestação de serviço é de acesso 24h por dia durante o mês todo, isso nos dá uma tolerância de 7h por mês! E mesmo que eventualmente haja uma interrupção de digamos 10h e a empresa pague o valor referente a interrupção dando desconto na próxima fatura, eu ainda acho isso pouco!

a-estabilidade-em-formato-de-montanha-russa-001

Eis os meus argumentos porque eu acho pouco só receber desconto na próxima fatura!

Quanto custa ter que ir até o modem todas as vezes que o sinal cai e esperar para ver se não é uma instabilidade momentânea ou se é algo mais sério e só então ligar para a central de atendimento?

Quanto custa ter que explicar para toda a família que possui estruturado o seu entretenimento de férias baseado em serviços pela web como Youtube, Netflix, Spotify e até mesmo Facebook e Whatsapp?

Quanto custa navegar no notebook usando a Internet do celular pré-pago porque não preciso de celular de conta com plano pós-pago uma vez que eu trabalho em casa?

Quanto custa ter que ligar usando o telefone e gastando com ligações telefônica, quando você já se estruturou baseado em serviços como Skype, Telegram e Whatsapp na comunicação com familiares, amigos e clientes?

E por falar em clientes, quanto custa ter um serviço absolutamente instável durante boa parte do dia o que impede de trabalhar e desestimula mesmo quando o serviço resolve voltar?

E mais, quanto custa explicar para esses clientes de que a culpa não é sua e que infelizmente não há previsão, porque simplesmente “estão em manutenção” mas nunca dizem quando vai terminar?

Eu que sou manjado dos paranauês de Internet, dessa vez me dei por vencido e deixei pra lá os protocolos, o meu monitoramento de cada minuto sem serviço para cobrar o desconto na próxima fatura. O desânimo foi tanto que eu só sei dizer que estou cansado dessa montanha-russa! A única coisa que eu sei é que enquanto estou escrevendo esse post (off-line) eu estou no 8º dia seguindo com instabilidade no serviço, sendo que 3 dias praticamente não foi fornecido sinal. Mas como eu disse, dessa vez “garotiei” e não anotei nada!

Infelizmente, não vejo muita alternativa quando olho os concorrentes do mercado e digo que eu gostaria que a empresa trocasse o simpático perfil no Twitter por uma manutenção mais eficaz.

Eu ficaria bem mais feliz com o serviço!


Tweets de reclamação:

A incrível matemática da @NETAtende

Fim do primeiro quadrimestre, é hora de rever as contas mensais em busca de redução dos custos e então resolvi que cancelaria um ponto adicional na minha TV por assinatura, uma vez que a televisão do quarto das crianças não existe mais.

Então é aqui que começa o meu problema!

Liguei para a NET ontem (21/03/2015) e falei com a atendente Luciana (Protocolo: 038151962143985) sobre o cancelamento desse ponto adicional e fui surpreendido com a informação de que os dois pontos adicionais que eu tenho SÃO GRATUITOS!

Na mesma hora questionei para a atendente “como podem ser grátis, se o valor referente ao serviço de TV por Assinatura não baixou, aliás, aumentou?“.

Ela disse que os pontos não eram mais cobrados desde 2012, mas não soube dizer (ou não quis falar a verdade) porque o valor não abaixou. Na época da ‘gratuidade dos pontos adicionais‘, o valor do serviço de TV por assinatura do meu plano era de R$ 124,54 e agora em 2015 é R$ 147,52, ou seja, teve um aumento de 15,58%.

Peguntei sobre esses aumentos e a atendente informou que eram reajustes anuais, mas continuou sem me explicar porque não houve abatimento na minha fatura referente à suposta ‘gratuidade dos pontos adicionais‘.

Para ajudar a minha argumentação com ela no telefone, peguei a minha última fatura e vi que constava o termo ‘complemento da franquia‘ num outro serviço. E só então percebi que estavam cobrando franquia no NET Fone. No último mês eu consumi R$ 12,34 em ligações telefônicas e a NET embolsou R$ 31,95 com o chamado ‘complemento da franquia‘. Questionei com a atendente se eles podiam cobrar pela franquia, e ela debochadamente respondeu que sim, claro! (Vale a visita no link do site de vendas online desse serviço, onde consta isenção TOTAL da cobrança de franquia mensal)

O resumo da ópera é que não consegui cancelar, nem ter abatimento do(s) ponto(s) adicional(is), muito menos, ter certeza sobre a legalidade da cobrança da franquia no NET Fone. Verifiquei na Internet muitos questionamentos sobre essa mesma cobrança no site Reclame Aqui e percebi que o comportamento da NET é sempre o mesmo: Matemática a seu favor e ouvido de mercador.

Como dizia o meu velho professor de matemática Luiz do Amaral: “O todo é feito de partes“. A cada real que a NET consegue sem que nós questionemos, aumentamos ainda mais a fatia do seu bolo.

Natal com a Toymania e Total Express? Nem o Grinch acredita!

Eu sempre compro os presentes dos meus filhos pela Internet, não importa época nem a ocasião. Sou experiente no assunto, compro sempre nas lojas que possuem uma reputação no mínimo aceitável. Verifico as reclamações das mesmas em sites como o Reclame Aqui e nas redes sociais. Em geral, em se tratando de brinquedos, costumo comprar num pequeno grupo de lojas. O que determina a minha escolha é a disponibilidade dos produtos. E é exatamente esse o problema do caso atual.

Meus filhos não acreditam em Coelho da Páscoa, nem Fada do Dente, e claro, não acreditam em Papai Noel. Nunca estimulei isso e eles sempre foram acostumados a escolher os seus presentes baseado na meritocracia. Boas notas na escola, comportamento exemplar sempre resultam em presentes. Um bom exemplo disso foi o Dia das Crianças de 2012 onde eu criei uma competição de tarefas individuais de ‘performace’ para eles ganharem um notebook e um tablet.

Acontece que nesse ano, eles escolheram dois brinquedos que nenhuma loja das que eu costumo comprar tinha as duas opções. Quando uma tinha o Simon Swipe que o Nicolas queria, não tinha a My Little Pony Sunset Shimmer que Analice desejava para completar a sua coleção. Resultado: pesquisei na Internet e a única loja que tinha ambos os presentes era a Toymania, que eu NUNCA havia comprado nada antes e confesso, não fiz pesquisa nenhuma dessa vez.

A compra foi feita no dia 13/12/2014 (sábado) e minutos depois o meu pagamento foi aprovado e pedido processado. Recebi a confirmação toda por e-mail e fiquei bem tranquilo. O prazo era de 6 dias úteis e a data provável de entra seria no dia 20/12/2014 (segunda-feira). Tempo suficiente para chegar antes do Natal. Fiquei relaxado com a situação, pois no próprio dia 20/10/2014 (segunda-feira) recebi o e-mail da transportadora Total Express com o link de rastreamento, que constava que o meu pedido já havia saído para entrega. Perfeito!

natal-com-a-toymania-e-total-express-nem-o-grinch-acredita-001
E-mail de comunicação da Toymania – Confirmação do pedido
natal-com-a-toymania-e-total-express-nem-o-grinch-acredita-002
E-mail de comunicação da Toymania – Confirmação do pagamento
natal-com-a-toymania-e-total-express-nem-o-grinch-acredita-003
E-mail de comunicação da Toymania – Confirmação do envio

Entretanto o produto não chegou no dia 20/12/204. No dia seguinte, no final do meu expediente, percebi que os produtos não haviam chegado e fui verificar a posição da entrega e eis me surpreendo com o famoso status “endereço destinatário não localizado” e comecei realmente a me preocupar.

natal-com-a-toymania-e-total-express-nem-o-grinch-acredita-004
E-mail de comunicação da Total Express – Confirmação da Saída de entrega
natal-com-a-toymania-e-total-express-nem-o-grinch-acredita-005
E-mail de comunicação da Total Express – Status da Entrega

No dia seguinte (22/12/2014) liguei 3 vezes para o telefone (11) 2875-5001, que tinha uma mensagem eletrônica padrão, onde podemos verificar o status do pedido (que é igual ao do rastreamento) e quando optamos por falar com um atendente, o mesmo transfere a ligação, que cai em seguida. Esse procedimento aconteceu nas TRÊS VEZES que entrei em contato.

Então resolvi entrar no chat disponível no site, que NUNCA me atendeu! Deixava a janela pop-up aberta no meu segundo monitor enquanto eu trabalhava, mas a fila sempre tinha 3 ou 4 pessoas na minha frente. Foram duas tentativas sem sucesso.

Por fim, decidi enviar uma comunicação por e-mail no próprio site da Toymania e da Total Express, que não retornaram a mensagem com uma posição oficial, como tampouco confirmaram o recebimento do meu e-mail.

Enfim, hoje dia 26/12/2014, meus filhos ainda não receberam os seus presentes, apesar de merecem! Como falei antes, não esperaram o bom velhinho entrar pela chaminé da nossa casa para colocar os embrulhos debaixo da Árvore de Natal. Mas se frustraram muito, pois foram as únicas crianças da família que ficaram sem os presentes que ELES MESMOS ESCOLHERAM! Natal assim, nem o Grinch teria pensado para os meus filhos!


UPDATE #01

Depois de mais 3 tentativas de falar com pelo telefone da Toymania (que sempre cai), eu resolvi acionar o Reclame Aqui sobre o caso. O incrível é que, apesar da reputação da empresa por lá ser boa, existem váááários relatos iguais ao meu nesses últimos dias.

Enfim, segue o link da minha reclamação abaixo. Vamos ver agora os meus filhos receberão os presentes que eles merecem!

http://www.reclameaqui.com.br/11287301/toymania/atraso-na-entrega-sem-mudanca-de-status-na-transportadora-e/


UPDATE #02

pedido-de-cancelamento-da-compra

Depois de VINTE DIAS esperando uma posição oficial da Toymania, mesmo “reclamando muito no Twitter (e afins!)” e ter feito uma reclamação oficial no site Reclame Aqui, ainda sim a empresa não me respondeu, e tampouco entregou os presentes dos meus filhos.

Baseado nisso, eu entrei em contato com o meu cartão de crédito (ItaúCard) e me informei como eu poderia estornar a compra, pois eu nunca havia passado por uma situação com essa e não sabia como proceder. Então hoje eu escrevi um e-mail detalhado para lá e aguardo o cancelamento da compra e vou procurar outro lugar para enfim, comprar os presentes dos meus filhos.

Toymania, vocês são muito deselegantes!


UPDATE #03

resposta-toymania-23-dias-depois

Acreditem,
foi assim que a Toymania entrou em contato comigo, 23 dias depois da minha compra. Sem o mínimo de respeito e sensibilidade. No melhor estilo “e aí, vai querer ou não?”, a empresa em enviou um e-mail padronizado, sem detalhamento de nada, sem dar satisfação sobre a falha na entrega e como se nada tivesse acontecido.

Não falaram o motivo do atraso. Não comentaram como ficaram tanto tempo ausente em todos os canais de comunicação, e principalmente, não foram respeitosos e sensíveis. O público-alvo deles são as crianças e o Natal é o principal evento desse mercado. Como puderam ser tão indiferentes? Lamentável.

minha-resposta-para-toymania-sobre-cancelamento

Enfim, respondi que não tenho mais interesse na compra e gostaria do cancelamento imediato da mesma! Vamos ver como eles vão agir. Uma coisa é certa: Toymania NUNCA MAIS!

No verão, água é para poucos!

Há mais de uma semana administrando 7 baldes por dia
Há mais de uma semana administrando 7 baldes por dia

Imaginem morar no “Rio 40 graus -Cidade maravilha purgatório da beleza e do caos” no verão e passar o dia TODO administrando 7 baldes, porque é a única fonte de água que você tem!

Imaginaram?

Agora multipliquem esse cenário em mais de uma semana!

Gostaram? Pois é, essa é a triste realidade dos moradores da ‘Comunidade André Rocha’ no bairro da Taquara-RJ, que desde que as obras na esquina da rua André Rocha com rua Guerenguê se intensificaram e sofrem todos os dias há mais de uma semana e sem NENHUMA previsão para acabar.

Ok, vocês podem estar pensando, “porque diabos você não enche a caixa-d’água Cristiano?

Simplesmente porque ela fica no terraço (3º andar) e quando o fornecimento de água é restabelecido somente às 22h, ela não tem pressão suficiente para encher a minha caixa-d’água mesmo durante a madrugada toda e eu sou obrigado a encher os meus 7 baldes para passar o dia com o máximo de água possível.

A nossa rotina diária é tomar banho, fazer comida e usar o banheiro de manhã CEDO! Pois quando as bicas secam lá pelas 10/11h da manhã, o que podemos fazer é controlar o uso da água nos baldes. Tarefas simples como lavar a louça acabam se tornando um enorme estresse. Você não sabe se segura o prato ou o pote com água o esfrega a louça com detergente. Enfim, um transtorno sem fim.

A questão é que mesmo em ruas mais altas no bairro, onde existem condomínios de alto padrão, mesmo com as obras, o fornecimento de água não foi interrompido. O que nos leva a crer que a água é para poucos!

4 protocolos num único mês e o mesmo papinho de “manutenção na rede” de sempre

Tela mais recorrente do mês de dezembro de 2013
Tela mais recorrente do mês de dezembro de 2013

Pois é amigos, no apagar das luzes de 2013, eis que a NET-Virtua será citado por aqui mais uma vez.

A grande recordista de reclamações aqui do blog ‘Empresa Deselegante‘ interrompeu o serviço nada mais do que QUATRO vezes em dezembro e o problema é sempre o mesmo: “manutenção na rede“.

Para ilustrar bem esse artigo/reclamação, eu fui buscar o significado da palava manutenção no dicionário Aurélio, usado pela empresa tantas vezes como argumento esse mês:

Manutenção – s.f. Ação ou efeito de manter, de sustentar, conservar: a manutenção da família. / Serviço de conservação, fiscalização em certas empresas, oficinas.

Pesquisando um pouco mais na Internet, me deparei com um texto no site Cidadania e Justiça do Portal Brasil intitulado “Saiba quais são os direitos dos consumidores de internet e banda larga” e trago um parágrafo para entendermos melhor como lidar com esse tipo de serviço:

A necessidade de interrupção ou degradação do serviço por motivo de manutenção, ampliação da rede ou similares deverá ser amplamente comunicada aos assinantes que serão afetados, com antecedência mínima de uma semana. O cliente tem direito a um desconto na assinatura à razão de 1/30 por dia ou fração superior a quatro horas.

Posto isso, não me resta muita alternativa senão pedir ressarcimento dos dias sem o serviço. Nada foi avisado e sempre chego na conclusão de que o argumento é mera formalidade para ganhar TEMPO com o CLIENTE que está sem o serviço. Para mim, o que ocorreu é pura e simplesmente sobrecarga.

Ainda sim, vou exigir o ressarcimento. Foram um total de 4 dias, sendo hoje o que mais extrapolou a quantidade de horas de interrupção. Em todas as vezes eu anotei os respectivos protocolos somando um total de mais de quase 20h sem serviços em dezembro. Seguem abaixo:

  1. 038/131324544625
  2. 038/131328107288
  3. 038/131330137257
  4. 038/131332384188

Além disso, hoje, mesmo contando o histórico de ocorrências no mês para a atendente ‘Viviane’ e falando da minha insatisfação com tudo isso, ainda sim, foi INCAPAZ de agendar a visita técnica para o mesmo dia. O que deixa claro a sensação de enorme descaso pelo consumidor.


UPDATE

A NET-Virtua entrou em contato comigo e garantiu o ressarcimento do valor correspondente a interrupção do serviço nos 4 dias relatados.

A questão é que no dia 09/01/2014 às 13h, os serviços de Internet e telefone foram interrompidos novamente, porém eu tive que sair para uma reunião com um cliente só voltei às 22h. No dia seguinte (10/01/2014) eu abri um novo chamado (protocolo 038/14134767193) e os serviços foram restabelecido às 10h. Ou seja, 21 horas de interrupção!!!

Poste “itálico” na obra da Taquara-RJ

Dessa vez o post de hoje não é sobre uma “empresa” deselegante, e sim, de uma “instituição” deselegante. Estou falando da Prefeitura da cidade do Rio de Janeiro do Prefeito Eduardo Paes.

Não bastasse todo o transtorno e desconforto (e porque não citar insegurança?) de transitar pelo bairro da Taquara por conta das obras da Transcarioca, o cidadão ainda se depara com um trabalho feito às pressas sem o menor cuidado. São vários meses em que o bairro foi transformado num verdadeiro “canteiro de obras” que todos os dias não sabemos onde iremos atravessar a rua! Levar e buscar os filhos na escola é uma verdadeira maratona cheia de obstáculos, isso sem falar na enorme imundice instaurada.

Para ilustrar bem o que eu estou falando eu fiz uma fotografia ontem (16/09/2013) de um poste colocado recentemente que mostra bem o retrato dessa obra feita sem o menor cuidado e respeito ao morador. Vejam se nós não temos o direito de dizer que é uma Prefeitura Deselegante!

Poste "itálico" instalado na Estrada dos Bandeirantes no bairro da Taquara
Poste “itálico” instalado na Estrada dos Bandeirantes no bairro da Taquara

 

O fim do mundo não aconteceu, mas a Light-RJ nos deixou nas trevas por 15 horas

A empresa terceirizada da Light-RJ, a Litorânea chegou 11:30h para a troca do transformador
A empresa terceirizada da Light-RJ, a Litorânea chegou 11:30h para a troca do transformador

É meus amigos, por incrível que pareça, é verdade. Pela terceira vez esse mês a minha comunidade ficou sem energia elétrica por causa da Light-RJ.

Ontem (20/12/2012) por volta das 23h, fomos pegos de surpresa e passamos mais uma noite às escuras dormindo muito mal por causa do enorme calor. Com um total de 38 horas sem serviço em dezembro, foi como se todos os dias nos ficássemos sem energia elétrica durante pouco mais de 1 hora por dia! Um total absurdo!!!

Equipe da empresa Litorânea fazendo a troca do transformador
Equipe da empresa Litorânea fazendo a troca do transformador

O serviço só foi restabelecido hoje (21/12/2012) às 14h, quando o transformador de 62 KVA’s foi trocado por um novo de 150 KVA’s. A empresa terceirizada Litorânea chegou ao local às 11:30h (quase 12 horas depois da interrupção!) e depois de duas horas e meia de trabalho árduo, restabeleceu o serviço de fornecimento de energia.

Os funcionários disseram que haviam estado aqui ontem pelas 16h e foram impedidos de chegar até o local apropriado para a troca do transformador por causa de um carro que impediu a passagem do enorme caminhão da empresa. O que, segundo eles, foram obrigados a retornar depois para tentar novamente a troca.

Esse foi o caminhão que não conseguiu chegar no local da troca no dia anterior
Esse foi o caminhão que não conseguiu chegar no local da troca no dia anterior

Desculpa esfarrapada!

Para mim o que falta SEMPRE é vontade de prestar realmente um bom serviço. Nada justifica ficar 38 horas sem o serviço durante um mês. NADA!!! Escutar um argumento como esse me faz crer que a Light-RJ realmente não liga para a população e que nada justifica ela por um serviço tão mal feito. Claro que eu entendo a dificuldade de se fazer uma troca tão específica como a troca de um transformador numa comunidade carente. São muitos fios, pouco espaço, vizinhos que atrapalham, mas eu acredito que o meu bem-estar tem que ser prioridade para a empresa! 38 horas sem serviço num único mês me mostra justamente o contrário.

Enfim, agora vamos aguardar e ver se esse transformador vai aguentar bem a rede elétrica, que cresceu muito nos últimos anos. Várias casas ganharam novos cômodos e andares, sobrecarregando a mesma. Isso para não falar dos possíveis “gatos” da região. Meu desejo é que a Light-RJ foque mais os esforços para a prevenção de interrupções, e que situações como essas não aconteçam nunca mais, nem mesmo no fim do mundo!

Sobrecarga na rede e mais 9 horas sem energia elétrica

Não meus amigos, vocês não estão lendo o mesmo artigo duas vezes, é reincidência da mesma ocorrência. Depois de passar 14 horas sem energia elétrica (de 23h do dia  05/12/2012), pasmem, o serviço foi interrompido novamente no mesmo horário na noite seguinte (06/12/2012) deixando todos os moradores do local onde eu moro sem luz por mais 9 horas! Um TOTAL ABSURDO!!!

Dessa vez a equipe técnica chegou as 8 da manhã do dia seguinte e foi recepcionada por poucos moradores. A maioria ainda estava dormindo, uma vez que novamente, só conseguiram dormir por esgotamento e não por sono por causa do grande calor na nossa região.

O procedimento foi o mesmo, inúmeras ligações, protocolos e até SMS de emergência chamado LIGHT JÁ de pronto atendimento. Tudo balela!!! O descaso continuou exatamente do mesmo jeito. Funcionários treinados para não dar nenhuma previsão aos moradores, independente do apelo que fizessem pelo telefone e pela segunda noite consecutiva, a Light-RJ se mostra completamente alheia às reclamações de nossa comunidade.

Esse comportamento é completamente inaceitável, principalmente porque se trata de serviço público essencial. Ontem, assim que a energia foi restabelecida, eu escrevi um artigo sobre o ocorrido aqui no blog e fiz uma menção no Twitter para o perfil da Light-RJ afim de que eles estivessem por dentro do corrido.

Alguns minutos depois eles me enviaram uma mensagem pública mostrando como são despreparados inclusive na comunicação com a população. Conforme “print” abaixo, dá pra ver que eles sequer leram o artigo e enviaram uma mensagem típica sem o menor compromisso, e quando eu chamei a atenção deles de que a energia já havia voltado, não mencionaram mais nada.

 

 

Descaso com o morador não impede o aumento na tarifa
Descaso com o morador não impede o aumento na tarifa

Depois disso tudo, acho que mínimo que a Light-RJ deveria fazer é enviar uma equipe técnica com engenheiro até o local e fazer uma avaliação da rede em busca de uma solução, evitando novas sobrecargas e blecautes.

Lembrando que no boleto atual já consta o reajuste de 11,82%, e sinceramente, duas noites em claro não estimulam NINGUÉM a ver isso como bom serviço.